Rio de Janeiro, 08 de Agosto de 2020

ESPECIALISTAS ADVERTEM SOBRE EXCESSOS NAS PRÓTESES MAMÁRIAS

ESPECIALISTAS ADVERTEM SOBRE EXCESSOS NAS PRÓTESES MAMÁRIAS 


Pesquisas mostram que 70% das mulheres brasileiras querem ter seios empinados e perfeitos, e com a ajuda do silicone este desejo se tornou realidade por meio de uma cirurgia rápida e sem grandes complicações. Entretanto os especialistas advertem que o excesso do produto na implantação pode causar sérias conseqüências a saúde. Desde que Sabrina Boing Boing, considerada a “clone brasileira de Pamela Anderson”, colocou 1,5l de silicone em cada seio, e anunciou que quer pôr ainda mais, levantou-se uma polêmica entre especialistas sobre a quantidade ideal de silicone que uma mulher deve colocar.

O cirurgião Cláudio Bicudo, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, afirma que pode haver queda das mamas em curto espaço de tempo, estrias e distenção da aréola. Essas são apenas algumas das alterações que podem ocorrer. “Se pensarmos a longo prazo, provavelmente essa paciente terá problemas de coluna e desconforto para algumas situações do dia a dia. É preciso alertar as mulheres sobre a necessidade de ter bom senso na hora de optar pelo volume das próteses de mama, já que o volume exagerado não é sinônimo de beleza e sim de bizarrice”, comenta. De acordo com o médico, é um absurdo colocar três litros de silicone em cada seio como a modelo anunciou. ”Imagine uma pessoa com os seios deste tamanho? É como se ela carregasse um sobrepeso de seis quilos nas costas todos os dias”, explica, alertando que ela deveria ser orientada por seu cirurgião das possíveis complicações decorrentes. “Esse tipo de resultado é uma propaganda negativa para a cirurgia plástica. O bom senso dos cirurgiões e das pacientes é essencial para se obter resultados naturais e sem exageros”, complementa o cirurgião, que diz que o volume das próteses deve ser escolhido em comum acordo com as pacientes, mas cabe ao cirurgião estabelecer um limite máximo do volume, para se ter um resultado estético sem exageros.

Outras famosas também andam divulgando que são favoráveis as próteses enormes nos seios. É o caso de Renata Frisson, mais conhecida como Mulher Melão, que ganhou este apelido depois de colocar 500ml em cada seio. Graciane Barbosa, mulher do cantor Belo e ex-Rainha de bateria da Estação Primeira de Mangueira também engrossa a lista. A carioca ostentava 250ml em cada mama, mas teve problemas de rejeição e passou por uma nova cirurgia, na qual colocou quase o dobro: 450ml.

O fisioterapeuta e especialista em coluna André Nagajisb, presidente da Associação de Pilates do Rio de Janeiro, endossa a opinião do cirurgião plástico. "Não se pode descartar a possibilidade de essa modelo ter algum tipo de deformidade”, explica, dizendo que ao colocar essa prótese de 1,5l, ela passou a carregar um sobrepeso de três quilos. “É preciso ter muita cautela para mudar o visual. O sobrepeso pode acelerar um processo degenerativo na coluna. Para se evitar isso é preciso fazer um trabalho postural e de fortalecimento da musculatura peitoral" finaliza

Crédito:Cris Padilha

Autor:DMC 21

Fonte:Universo da Mulher