Rio de Janeiro, 30 de Setembro de 2020

GRIPE SUÍNA - Alerta as grávidas

Agravamento de sintomas de gripe suína em gestantes preocupa autoridades de Saúde
 
Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro realiza, nesta terça-feira, às 14h, reunião com representantes da Sociedade de Obstetrícia e de maternidades para discutir as melhores formas de tratamento para pacientes grávidas com sintomas de gripe suína.

O agravamento da doença em gestantes tem preocupado as autoridades.
 
A subsecretária estadual de Atenção à Saúde, Helen Miyamoto, informou que caso as grávidas apresentem piora nos sintomas de febre, tosse, dores de garganta, de cabeça e pelo corpo, devem procurar logo uma unidade especializada no tratamento da gripe.
 
"Foi desenvolvido um protocolo específico para o atendimento das gestantes, que avalia as mulheres e os fetos. O mais importante para essas pacientes é seguir as orientações médicas e permanecerem internadas", afirmou Helen.
 
Pelo menos 55 mulheres grávidas estão internadas na rede pública do estado com suspeita da doença.
 
Três gestantes morreram, uma delas em função do vírus H1N1, e as outras duas podem ter sido vítimas da doença.
 

Crédito:Luiz Affonso

Autor:Margareth Villela

Fonte:Universo da Mulher