Rio de Janeiro, 19 de Abril de 2024

Conheça atitudes tóxicas que afetam o trabalho das mulheres

Conheça atitudes tóxicas que afetam o trabalho das mulheres

A vida das mulheres no mercado de trabalho está longe de ser algo fácil e muito menos confortável, pois todos os dias milhares de mulheres precisam trabalhar o dobro dos homens para provarem o seu valor em suas devidas posições.

O que sabemos bem que se trata de algo muito injusto, visto que estamos em uma era que prega a liberdade e a igualdade, mas infelizmente ainda falta muito a ser feito para que realmente vivamos dentro deste mundo.

Não é novidade para ninguém que as mulheres fazem parte do grupo que sofreu por anos e anos com o preconceito e o machismo, que acreditava que suas únicas funções era apenas cuidar das atividades domésticas e dos filhos.

Milhares de mulheres tiveram que lutar e gritar para que suas vozes fossem devidamente ouvidas para que elas conseguissem lutar por seus direitos, podendo trabalhar fora de casa e também construir suas carreiras no mercado.

Hoje, felizmente podemos ver cada vez mais mulheres em posições de poder, comando as melhores empresas do mercado, desde a que cuida do sistema de emissão de nota fiscal até mesmo as donas de comércios e e-commerces.

Mas ainda assim há muito para ser feito a fim de fazer com que as mulheres realmente se sintam parte da sociedade e também se sintam ouvidas dentro de seu ambiente de trabalho, o que é um grande desafio.

Dentro do mercado de trabalho, ainda é comum ver mulheres passarem por atitudes tóxicas que acabam fazendo com que elas se sintam menosprezadas e inferiorizadas, sem contar com diversos outros problemas que ainda existem, como:

  • Menos chance de crescimento;

  • Raras promoções e oportunidades;

  • Mais chances de desligamento;

  • Desigualdade salarial;

  • Pouco espaço para dar opinião;

  • Falta de atenção.

Claro que isso não acontece em todos os tipos de empresa, pois felizmente uma administração de condomínio comercial entende a importância e até mesmo a necessidade de mulheres em determinadas áreas.

Entretanto ainda existem muitas outras que precisam rever não apenas isso, mas também as atitudes que existem dentro do espaço organizacional e que podem deixar uma mulher desconfortável e infeliz com seu trabalho.

Por isso, hoje iremos falar um pouco sobre algumas dessas atitudes tóxicas que podem afetar o trabalho, o bom desempenho e a produtividade de uma mulher no trabalho, assim como maneiras de evitar esse tipo de ação.

Entenda o que é uma atitude tóxica

Antes de qualquer coisa, precisamos entender o que é uma atitude tóxica. O termo ganhou grande visibilidade nos últimos tempos e precisa estar bem claro para que você entenda os próximos tópicos deste texto.

O trabalho nos dias de hoje é muito mais do que apenas um desejo para a mulher, se tornou uma necessidade, por isso muitas procuram por uma empresa de call center SP para trabalhar, pois sabem das oportunidades que esse segmento oferece.

Mas as atitudes tóxicas podem estar em qualquer lugar e até mesmo no ambiente corporativo, e podemos classificá-las como aquelas ações que fazem a mulher se sentir inferiorizada com a situação.

Quando pensamos em algo tóxico, imaginamos uma substância que pode apodrecer o que está bom e trazer resultados negativos. As atitudes tóxicas também são assim, funcionam como pequenos venenos que podem tirar a saúde mental e felicidade de uma pessoa.

Não é à toa que o termo ganhou grande notoriedade nos últimos tempos para classificar relações e atitudes que faziam mal a outras pessoas, pois se trata de algo que pode trazer diversos problemas para a vida de alguém.

Uma empresa de consultoria recrutamento e seleção entende a importância de saber a personalidade de cada candidato e os seus objetivos de carreira, e faz o possível para entregar a ele uma oportunidade coerente com seus planos.

Da mesma forma acontece com mulheres que entram em uma empresa onde desejam crescer e abraçar novas oportunidades internas, mas que muitas vezes são impedidas por conta de atitudes tóxicas que as desanimam.

As atitudes toxicas são como pequenas sementes ruins que germinam com o tempo e trazem diversos problemas para a mulher, como:

  • Baixa autoestima;

  • Menor produtividade;

  • Menor participação e engajamento;

  • Exclusão e retraimento;

  • Baixo desempenho;

  • Estresse e ansiedade.

Por isso, reconhecer esse tipo de atitude dentro de uma empresa é essencial não apenas para garantir um bom clima organizacional, mas também para cuidar da saúde mental e da carreira das mulheres que estão dentro da empresa.

3 atitudes tóxicas contra as mulheres

Quando se decide fazer uma consultoria técnica ambiental na sua empresa, é normal que o cliente queira entender mais sobre o assunto com a melhor empresa do segmento, não é mesmo?

Pois bem, quando falamos das atitudes tóxicas contra as mulheres, o objetivo não é tão diferente. Entender bem sobre elas é essencial para saber se você pratica alguma ou até mesmo para corrigir alguém quando cometê-la. Sendo assim, conheça abaixo algumas das mais comuns.

  1. Manterrupting

O manterrupting é um termo em inglês que podemos entender como interrupções constantes, ou seja, ele descreve a ação de interromper uma mulher constantemente em sua fala, fazendo com que ela não termine se quer uma frase.

Infelizmente isso é mais comum do que possamos imaginar, seja em uma reunião de negócios ou até mesmo em um atendimento. A situação ainda piora quando essa mulher está em um espaço repleto de homens para conversar.

Uma profissional que precisa apresentar um documento PGR segurança do trabalho precisa do máximo de atenção e foco em sua fala, pois se ela realiza esse trabalho, é porque é a melhor naquilo que faz.

  1. Falta de crédito

Muitas vezes uma mulher traz uma ideia inovadora para mudar um processo da empresa ou até mesmo para criar algo novo que pode aumentar os resultados da marca, mas não recebe a devida atenção e crédito por isso.

Alguns ainda acham que o fato de ter mulheres na equipe serve apenas para mostrar que a empresa é aberta para todos, mas se engana completamente quem pensa assim. As mulheres que estão dentro de uma empresa estão lá para fazer a diferença no ambiente.

A falta de crédito e de atenção na apresentação de uma ideia ou opinião faz com que a mulher se sinta diminuída, o que afeta não apenas o seu desempenho no trabalho, mas também a sua saúde mental.

  1. Bropriating

Já o bropriating é um conceito que diz respeito a ação de um homem para com a mulher, que é quando ele apresenta uma ideia ou opinião que já tinha sido apresentada por ela antes e faz parecer que tudo partiu de sua mente.

Essa ação, além de gerar um processo em cima do homem, pode trazer diversos malefícios para quem realiza isso, pois muitos acham que mulheres não entendem sobre o assunto em questão, mas engana-se, pois que hoje temos mulheres liderando uma empresa de mecânica industrial.

Sendo assim, é papel dos líderes saber ouvir bem as ideias e opiniões dos homens e das mulheres para garantir que elas não sejam roubadas ou repassadas com os créditos para outro que não seja o criador dela.

Saiba como evitar essas atitudes

As atitudes tóxicas apresentadas acima são apenas algumas das diversas que existem no mercado, mas algumas das mais comuns que vemos no mercado e que afetam diretamente o trabalho das mulheres.

É completamente normal uma mulher se sentir mal, triste e até mesmo enfurecida ao passar por essas situações, pois só elas sabem tudo o que passaram e enfrentam para chegar onde chegaram.

Por isso é importante não se calar ao presenciar essas atitudes. Caso você passe por uma delas, deixe a pessoa ciente de que aquilo se trata de uma atitude tóxica que pode atrapalhar o seu trabalho e que não deixará isso acontecer novamente.

Se for funcionária de uma empresa de usinagem de peças, por exemplo, procure a sua liderança para relatar o ocorrido e converse com outras mulheres para entender se aquilo também acontece com elas.

Promova e incentive debates, discussões e palestras para que todos estejam cientes da importância de ouvir as mulheres da empresa e também mostrar a necessidade do engajamento dos homens nessa causa.

Isso porque grande parte das atitudes tóxicas provém de homens que acham que as mulheres não possuem capacidade para realizar determinadas atividades.

Então mostre que isso também é dever deles para a criação de um melhor clima organizacional e de uma sociedade mais igualitária.

Dessa maneira, será mais simples e satisfatório trabalhar onde trabalha e lutar para que os direitos das mulheres sejam protegidos e garantidos dentro do meio corporativo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Crédito:Luz

Autor:

Fonte:universodamulher