Rio de Janeiro, 08 de Agosto de 2020

Mantenha o corpo hidratado

 

  Mantenha o corpo hidratado 

 Por se tratar de um alimento e um hidratante natural com poucas calorias, a água de coco pode ser indicada para o consumo em todas as idades 


Somos seres de água. Uma pessoa adulta tem cerca de 70% do seu peso em água. Isso equivale a quase 50 kg de água em um adulto de 70 kg  e cerca de 50 litros de água distribuídos pelo corpo. A criança possui mais água corporal percentual do que o adulto, cerca de 80% do peso. O recém-nascido pode ter ainda mais que isso. Os idosos por sua vez, possuem menor quantidade de água do que os jovens, em média 50% do peso corporal. Isso pode explicar a importância do componente hídrico em nosso corpo e a importância dos mecanismos fisiológicos que mantêm esses volumes líquidos estáveis.

 

 

Em condições normais de saúde perdemos água de diversas maneiras: pela transpiração, pela urina, através do metabolismo celular - processo de funcionamento das células que garante a vida - e pela perspiração, que é a perda de água através da respiração e da fala. Todas as vezes que somos submetidos a situações de intensificação desses processos, perdemos muito mais água. O verão pode exemplificar muito bem essa situação. Durante o verão, transpiramos muito mais e as perdas da perspiração são muito maiores.

Nesse período, nossa hidratação deve ser intensificada e vale tudo: a água filtrada ou mineral, a água de coco, os líquidos isotônicos - aqueles com adição de eletrólitos como potássio e sódio - os refrigerantes, os chás gelados e os sucos naturais. Nas suas versões lights são mais seguros para aquelas pessoas que estão tentando chegar ao peso ideal ou mantê-lo. “A água de coco e os sucos naturais têm a vantagem de serem nutritivos, além de hidratantes. Além dos líquidos, nossa hidratação estará sempre sendo incrementada quando consumimos legumes, verduras e frutas, pois nesses alimentos a água é o principal componente”, explica Juliana Schmitt,  nutricionista da rede de clínicas Anna Aslan da unidade de Porto Alegre.

A água de coco

A massa do coco pode ser consumida crua, em seu estado natural, ralada ou ainda como ingrediente principal de pratos culinários. O valor nutritivo da fruta e seu sabor variam de acordo com o estágio de maturação. Quanto mais a polpa estiver madura, maior o teor de gorduras. “Já em relação à água de coco, ela é bem pouco calórica: um copo de 250 ml possui cerca de 40 calorias. Mas ela não deve ser utilizada em substituição à água potável. E precisa ser consumida com moderação pelos diabéticos", recomenda Juliana Schmitt.

Considerada um isotônico natural, a bebida é rica em sais minerais - potássio, sódio, cálcio, fósforo e magnésio - e garante a hidratação do corpo. Também possui vitaminas, entre elas a C. Mas o nutriente só é encontrado quando o coco está bem verde. "A bebida repõe rapidamente os eletrólitos - sódio e cálcio - perdidos através do suor excessivo e da urina, por isso é indicada após a realização de exercícios e em dias quentes como os de verão", diz a nutricionista.

Benefícios além da hidratação

A composição físico-química da água de coco  é semelhante à do soro fisiológico. Assim, a água de coco é indicada para repor os sais minerais em pessoas acometidas por diarréia. E segundo pesquisas, tem se mostrado eficaz na recuperação de pacientes submetidos a cirurgias digestivas e a sessões de quimioterapia. “Neste caso, a bebida alivia o incômodo sintoma de boca seca”, informa a nutricionista.

A água de coco também hidrata e amacia a pele, auxilia na redução do nível de colesterol, combate a verminose infantil, ajuda a controlar a pressão arterial, evita náuseas durante a gravidez e em viagens, é um calmante natural e funciona também como diurético.

Cuidados na hora de comprar

Segundo Juliana Schmitt, antes de consumir a água de coco ou de saborear a polpa da fruta, é preciso estar atento a alguns cuidados na hora da compra e do consumo do produto. “Verifique se a casca do coco está lisa, sem batidas e manchas escuras. O ideal é que o coco seja firme e verde, com aspecto uniforme. Observe a higiene do local da venda do produto e as características do recipiente no qual está armazenado. Evite comprar o coco se este não estiver limpo ou encontrar-se armazenado em locais inapropriados, como o chão ou assoalho de carros. Observe também a higiene do vendedor. Ele deve lavar as mãos antes de manipular a fruta, além de usar facas limpas para o corte. E por fim, peça para que o coco seja lavado antes de ser aberto”, recomenda a nutricionista.


SERVIÇO:

 

·         Anna Aslan - Porto Alegre
Rua Cristóvão Colombo, 3309
Bairro: Higienópolis - CEP: 90560-005
Fone: (51) 3326-1001
contators@anna-aslan.com.br

·         Anna Aslan - Rio de Janeiro
Av. das Américas, 700 bl. 6 Sls 107 a 110
Bairro: Barra da Tijuca - CEP: 22640-100
Fone: (21) 2132-7897
contatorj@anna-aslan.com.br

Crédito:Cris Padilha

Autor:Márcia Wirth

Fonte:Universo da Mulher