Rio de Janeiro, 14 de Abril de 2021

Dicas para melhor aproveitamento do refrigerador

Dicas para melhor aproveitamento do refrigerador
No verão, depois do ventilador e do aparelho de ar-condicionado, o refrigerador é o eletrodoméstico mais requisitado. Mas para manter as bebidas geladas, alimentos conservados, otimizar o uso do equipamento, não aumentando o consumo de energia, não basta apenas ligá-lo na tomada e ajustar o termostato para temperaturas mais baixas.
 
Tem que saber usar e cuidar
         
A Bosch possui 11 modelos de refrigeradores, divididos entre uma e duas portas, cor branca e inox, autodegelo e com características exclusivas, como porta refrigerada e gás isobutano, totalmente inofensivo ao meio ambiente. Além disso, toda sua linha possui a etiqueta de consumo de energia e a maioria é certificada com o selo Procel, que atesta a classificação A, por menor consumo de energia.
 
E para melhor aproveitamento dos refrigeradores, a Bosch oferece dicas que otimizam seu uso e mantêm o consumo de energia, principalmente nesta época do ano, quando são mais exigidos:
 
- Não coloque alimentos quentes no refrigerador. Espere que os mesmos atinjam a temperatura ambiente, pois isso evita que o produto trabalhe mais do que o normal, mantendo o consumo de energia;
 
- Procure colocar os alimentos embalados ou cobertos. Dessa maneira, evita-se o contato direto com o ar frio do refrigerador, conservando-se o aroma, cor e umidade naturais.
 
- Mesmo que tenha que retirar várias coisas do refrigerador, não deixe a porta aberta por muito tempo. É preferível abri-la e fechá-la várias vezes. Dessa maneira, reduz-se a troca de calor com o ambiente e, conseqüentemente, o consumo de energia.
 
- Caso não seja um refrigerador frost free, efetuar o degelo sempre que o gelo ultrapassar 1 cm de espessura. A prática garante melhor eficiência do produto, pois o gelo é isolante térmico natural.
 
- Mantenha sempre as saídas e circulação de ar livres, pois quanto melhor o fluxo de ar, mais econômico será o refrigerador.
 
- Verifique periodicamente se as portas estão fechando completamente e se não há entrada de ar para o freezer ou refrigerador. Um teste simples: feche a porta do refrigerador com uma folha de papel entre as bordas. Se cair, é sinal de problemas de vedação.
 
- Não coloque roupas na parte traseira do aparelho, pois prejudica a circulação de ar no condensador (aquela peça preta de arame) e aumenta o consumo de energia.
 
- Instale o refrigerador em ambiente seco, ventilado e longe de fontes de calor. Se for inevitável, mantenha-o 10 cm do fogão convencional a gás ou 30 cm, em caso de fogão a lenha ou carvão.  Próximo a outro refrigerador ou freezer, observe a distância de 20 cm, para evitar condensação. Tais medidas também contribuem para menor consumo de energia.
 
- Quando sair em férias de poucos dias, deixe-o regulado na temperatura média e retire os alimentos de rápida degradação como frios, frutas e verduras, para evitar mau cheiro. Em caso de férias por mais de um mês, retire os alimentos, descongele e desligue o refrigerador, deixando-o com a porta entreaberta.
 
 
 
Fontes:
 
Daniel André Malandrin, supervisor de desenvolvimento de produto BSH Continental
 
Luciano Bottura, analista de Marketing BSH Continental
 
Inmetro, Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial -  www.inmetro.gov.br
 
Procel, Programa Nacional de Conservação de Energia – www.eletrobras.gov.br
 

Crédito:Fatima Nazareth

Autor:Fernanda Viegas

Fonte:In Press Porter Novelli